sexta-feira, 12 de setembro de 2014

REUNIÃO DE CONDOMÍNIO

Complexo ou Administrável?

Certa vez fui apresentar os Serviços da minha Empresa em um condomínio e fiquei pensando: 
Porque não gravo esse Dialogo sem fim e transformo em um artigo para o blog? Rssss... Mais brincadeiras a parte, podemos observar as dificuldades que uma empresa especializada em Administrar condomínios encontra. Encontros Turbulentos que damos o nome de Reunião de condomínio... Neste Artigo quero chamar atenção para uma dessas dificuldades: A Comunicação entre as pessoas. Muita gente falando ao mesmo tempo de forma agressiva durante toda a noite e no final pouco progresso. Existe sempre os dois lados da Moeda, porém uma comunicação mais eficaz e uma postura mais focada em soluções, pode tornar essa reunião mais produtiva e com menos atritos. Sucesso A todos e muita paciência nas Reuniões de condomínio.

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Imobiliárias Preocupam Analistas, mas bolha é Descartada

Enquanto Robert Shiller, Prêmio Nobel, prevê bolha no Brasil, analistas afastam possibilidade, mas mostram preocupação com algumas empresas listadas na Bovespa.

Construção civil:o índice Imobiliário (IMOB) tem o pior desempenho entre os índices setoriais da Bovespa em 2013
São Paulo – Um dos alertas mais recentes de Robert Shiller (um dos ganhadores de hoje do prêmio Nobel de economia) para o Brasil é o de uma bolha imobiliária – tema que o professor de Yale domina. Para quatro analistas consultados por EXAME.com, não há bolha imobiliária no radar e a explicação para as dificuldades das empresas do setor estaria mais nelas mesmas do que no cenário externo.
No primeiro semestre deste ano, das 20 construtoras e incorporadoras listadas na Bolsa relacionadas pela consultoria Economática, sete apresentaram prejuízo na primeira metade do ano e cinco viram seu lucro cair em relação ao mesmo período do ano passado. Por enquanto, o Índice Imobiliário (IMOB) tem o pior desempenho entre os índices setoriais da Bovespa em 2013.
Mas o desempenho tortuoso não estaria, necessariamente, ligado a uma bolha. “Os níveis atuais de preço, no mercado imobiliário, não condizem com a evolução da renda, isso sinaliza um excesso de valorização nos preços de imóveis, mas para chamar de bolha, estamos longe”, afirmou Marcelo Torto, analista da Ativa Corretora. Apesar de o crédito imobiliário ter crescido 37% entre janeiro e julho, no Brasil, a representatividade dele em relação ao PIB é de 7,5%.
Os preços no mercado imobiliário no Brasil mudaram nos últimos anos. O “reajuste” dos últimos cinco anos, como os analistas falam, reflete um mercado estagnado por muito tempo e uma conjunção de fatores, como o crescimento da renda da população e o déficit habitacional.
No final de 2009 e começo de 2010, algumas construtoras estavam com o caixa robusto em decorrência das ofertas públicas de ações em 2007 – ano em que o setor dominou os IPOS. Com dinheiro e incentivos do governo, foram realizados muitos lançamentos e com eles, em alguns casos, vieram os problemas.
“A partir de 2008, com capital estrangeiro, muitas construtoras tiveram grandes aportes de capital e começaram a investir sem bom direcionamento”, afirmou Marcelo Torto. Esse ciclo de investimentos está se encerrando agora, mas mesmo assim, o atual cenário para as construtoras é negativo, para o analista. De acordo com a Ativa, as empresas que estão se saindo melhor são as que não tiveram grandes aportes de capital no passado e um crescimento desordenado – mas a corretora não tem nenhuma recomendação de compra entre as construtoras.
Fonte: Exame.com

domingo, 6 de outubro de 2013

Limite para Financiamento com FGTS é Ampliado


Os preços dos imóveis subiram. E finalmente o Conselho Monetário Nacional (CMN) caiu na real e resolveu autorizar um novo reajuste no valor dos imóveis que podem ser financiados dentro do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), que usa recursos do FGTS e apresenta juros mais baratos.
A partir deste terça-feira (1º), o limite deixará de ser de R$ 500 mil. Nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, além do Distrito Federal, ele sobe para R$ 750 mil. Nos outros estados, incluindo Pernambuco, passa para R$ 650 mil. De acordo com o Banco Central, o montante financiado será de até 80% do valor de avaliação do imóvel.
No caso dos financiamentos com o Sistema de Amortização Constante (SAC), esse percentual pode chegar a 90% do valor de avaliação do imóvel. A última mudança (quando o teto subiu de R$ 350 mil para R$ 500 mil) tinha sido feita em 2009.
Ao divulgar a mudança, o chefe-adjunto do Departamento de Regulação do Sistema Financeiro do Banco Central (BC), Júlio César Carneiro, disse que o limite foi elevado para corrigir a inflação acumulada nesse período, que variou entre 22% e 29% dependendo do índice.
Lembrando que esse financiamento é para imóvel residencial. Ele deve ser onde a pessoa mora ou trabalha, num município vizinho ou da região metropolitana. A pessoa também não pode ter outro imóvel em seu nome.
* Com informações da Agência Brasil

terça-feira, 27 de agosto de 2013

CAIXA ECONOMICA

CURIOSIDADES...
UM POUCO DA HISTORIA 

Foi criada em 12 de janeiro de 1861 por Dom Pedro II com o nome Caixa Econômica e Monte de Socorro. Seu propósito era incentivar a poupança e conceder empréstimos sob penhor, com a garantia do governo imperial. Esta característica diferenciava a instituição de outras da época, que agiam no mercado sem dar segurança aos depositantes ou que cobravam juros excessivos dos devedores. Deste modo, a Caixa rapidamente passou a ser procurada pelas camadas sociais mais populares, incluindo os escravos, que podiam economizar para suas cartas de alforria. Assim, desde o início, a empresa estabeleceu seu foco no social. Porém os empréstimos sob penhor só foram possíveis no ano de 1934 quando o Presidente Getúlio Vargas ordenou que a mesma pudesse ser feita, aniquilando outras instituições particulares que cobravam juros altíssimos pelo mesmo serviço.


SIMULADOR DE FINANCIAMENTO

SIMULADOR DE FINANCIAMENTO:

A CAIXA ECONÔMICA DISPONIBILIZA EM SEU PORTAL UM SIMULADOR SUPER SIMPLES QUE FACILITA A COMPREENSÃO DAS TAXAS, PRAZO DE FINANCIAMENTO, E PARCELAS.
É UMA FERRAMENTA FÁCIL DE USAR E QUE TRAZ AO USUÁRIO UMA IDEIA INICIAL.

ACESSE:  http://www8.caixa.gov.br/siopiinternet/simulaOperacaoInternet.do?method=inicializarCasoUso